11 de jan de 2012

A falta de poesia de hoje em dia

Pensam que é poesia usar sintaxes desconexas
Palavras soltas, infrequentes, neologismos...
Às vezes se erguendo à altura de Zeus, com seus egos triunfantes.
Escrevo em versos por pura provocação, isso aqui não é poesia!
Acordada percebo que é tarde, pois me atirei na falsa pretensão
Fúteis, irracionais, enlouquecendo na busca de afirmarem-se
A poesia não é palavra curta, não é frase longa, não corrompe
A sua função é clara, e quando cumprida, deixa na história a marca!
Tocar, ferir e curar.
As palavras precisam de sentido
Para quem as lê que sirvam de ar, para inspirar ou apenas desestabilizar.

4 de jan de 2012

Impetuosos

Passion - John Pitre

A armadilha do ímpeto é ignorar o óbvio.
Com o pulmão cheio de ar, morrer sem senti-lo...
Adolescentes, crianças, feras indomadas, segundos,
Nestes pequenos momentos de quase não viver
Querer viver só ao seu lado, mas sem querer!
Onde as vozes são mais altas que a alegria de ser
Não haverá espaço para colar os cacos espalhados
Continuo no amor que só é seu, penoso anoitecer.