20 de abr de 2012

Nossa xícara


Nasa Images

Enchemos com o chá da atitude e engolimos apenas resignação
A poética abalada pelo frustante amor, usado pelo nome, enfeite!
Como diria o falso poeta, "o amor não deixa ver a realidade"...
Qual a rua certa? Nessa dúvida param os que buscam o caminho,
Então abrem os ouvidos  para as direitas que lhes forem ordenadas
Rebanho? E ainda insistem nessa denominação!
Nossa xícara continua girando, com o quente e oportuno ceticismo.
Prove que ela não existe, ou preciso provar-lhes?


Nada de poesia nessa rede de vã filosofia.

2 comentários:

  1. "Enchemos com o chá da atitude e engolimos apenas resignação."Perfeito!
    Gostei muito do blog.

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigada Lourdinha! Agradeço a visita e a apreciação.

    ResponderExcluir