9 de dez de 2013

Quem é ela? Quem sou eu?

Há uma outra pessoa dentro de mim que insiste em não acreditar em recomeços.
Há alguém que grita encarcerado, enxergando tudo em preto e branco e não sorri.
Há alguém quase na superfície, esse ser que sou um outro eu, não permite insistir.
Falta para mim e para ela, a luz acesa e o banquete, os fogos e a música e a bandeira.
Temos os mesmos medos, talvez por isso permanecemos tão unidas, infelizes e frias.
Há uma outra em mim, ela quer, quer e quer, não nos permitimos, vagamos...
Eu no mundo e ela em mim. a conheço bem e talvez não, ela não se reconheça em mim.

Um comentário:

  1. Relaxe esse coração. Também tem um "eu" bem assim aqui dentro. Ou somos loucos iguais, ou somos normais. ;)

    ResponderExcluir